Mais Lidas
Nota Oficial: Protocolo de Atendimento para pacientes com suspeita de Coronavírus 22/03/2020 16:25

Nota Oficial: Protocolo de Atendimento para pacientes com suspeita de Coronavírus

Autor(a): Ascom Fundação Hospitalar Foto: Divulgação

A Fundação Hospitalar Dr. Moisés Magalhães Freire vem a público esclarecer e tranquilizar a população de Pirapora e região, sobre o protocolo de atendimento adotado na instituição, no que se refere ao casos de suspeita de Coronavírus (COVID-19).

No final da tarde deste sábado (21/03) foi compartilhado em redes sociais um vídeo em que uma mãe, visivelmente desesperada, dentre outras acusações a terceiros, inclui críticas e questionamentos no atendimento prestado pela Fundação ao seu filho, o qual deu entrada no hospital com suspeita de COVID-19, após chegar da cidade de São Paulo.

É imprescindível elucidar que o Protocolo de Atendimento para os casos de suspeita de COVID-19, padronizado na Fundação, é o mesmo determinado pelo Ministério da Saúde e que vem sendo respeitado em todas as cidades da federação (PORTARIA GM Nº 454, DE 20 DE MARÇO DE 2020). A maior autoridade da Saúde Pública do país regulamenta “o isolamento domiciliar para casos suspeitos ou confirmados de infecção pelo novo coronavírus deve ser adotado, assim como, para todos os casos de pessoas que venham de áreas onde há transmissão comunitária”.

Portanto, no caso do referido jovem, filho da senhora do vídeo citado, a Fundação Dr. Moisés Magalhães Freire reforça que todas as ações e recomendações do Ministério da Saúde foram devidamente executadas, visando, sobretudo a segurança dos demais pacientes do hospital, profissionais e a população, como um todo. Ressalta-se ainda que o hospital disponibiliza os testes indicados, entretanto, estes são liberados conforme a orientação dos médicos do Centro de Informações Estratégicas em Vigilância em Saúde (CIEVS).

Em isolamento domiciliar, o jovem já está sendo monitorado e acompanhado pela Secretaria Municipal de Saúde, conforme é requerido por este tipo de caso. Os testes feitos foram enviados à Fundação Ezequiel Dias (FUNED) em Belo Horizonte e os resultados deverão ser liberados em até cinco dias, por causa da alta demanda do estado, de casos suspeitos.

Por todo o contexto, associado ao momento de início de pânico gerado pela pandemia do COVID-19, a qual tem avançado, a Fundação Dr. Moisés Magalhães Freire se solidariza com o desespero da mãe, pois, assim como tem sido nas assistências prestadas pela instituição, a humanização deve prevalecer para que todos continuem unidos na luta contra esse vírus.

Em conjunto com administração municipal, através da prefeita Marcella Fonseca que tem redobrado seu respaldo e esforços, a Fundação tem buscado proteger toda a coletividade de Pirapora e se preparar para atender da melhor forma possível toda a demanda da região.

Seja na responsabilidade como cidadão, ao respeitar e aderir toda a mobilização que vem sendo feita, ou na adesão do isolamento social, cada um precisa cumprir o seu papel e a Fundação seguirá cumprindo a sua missão, de ser um hospital de todos com responsabilidade, eficiência e humanização.