Mais Lidas
Defesa Civil capacita profissionais no Norte de Minas 06/09/2019 19:21

Defesa Civil capacita profissionais no Norte de Minas

Autor(a): Tiago Rodrigues Foto: Orimar Santos e Luiz Rocha

Entre os dias 3, 4 e 5 de setembro aconteceu no Centro de Convenções do município, o Curso Regionalizado de Gestão em Proteção e Defesa Civil. A capacitação é uma inciativa do Gabinete Militar do Governador de Minas Gerais e da Defesa Civil do estado, apoiado pelas prefeituras de Pirapora e Buritizeiro.

A Defesa Civil que além de trabalhar na prevenção de desastres, também tem como objetivo reunir um conjunto de ações, que visa a recuperação e assistência da população, com o intuito de preservar a moral da sociedade e restabelecer a normalidade social.

Diante deste cenário o órgão montou um curso dinâmico e diversificado. Segundo o tenente-coronel da Polícia Militar, Flávio Godinho, que é coordenador adjunto da Defesa Civil de Minas Gerais, a capacitação tem questões pontuais que visa fortalecer os coordenadores municipais, para que eles tenham ações mais resilientes e possam ter conhecimento para um futuro enfrentamento de qualquer tipo de crise. “Há algumas demandas que são pontuais, porém, nossa carga horária contempla diversas matérias, que vai do acionamento do estado, através da defesa civil, a outras ações medicadoras ou de prevenção e recuperação. Pois, se o município tiver conhecimento do serviço de prevenção, com um plano de contingência muito bem desenhado, qualquer recuperação ou enfrentamento de crise ficará mais fácil”, salientou Godinho.

De acordo o com o coordenador da Defesa Civil em Pirapora, Jair Gomes, este curso é de suma importância para o município e para a região. “É a primeira vez que essa capacitação acontece aqui. Foi um esforço conjunto das prefeituras de Pirapora e Buritizeiro. Lembrando que este curso tem um público-alvo específico que é a Defesa Civil, porém, nós conseguimos colocar profissionais de outras secretarias, como ação social, saúde, educação e infraestrutura. Além de colaboradores do SAAE, comerciantes, Polícia Militar, Corpo de Bombeiros e Marinha. Porque nossa ideia era integrar a sociedade e dar uma visão do que é a Defesa Civil. Pois, a Defesa Civil é simplesmente o poder público em conjunto com todos, então, a participação da população é importante. Com as orientações corretas, numa situação de emergência, o cidadão terá consciência e tranquilidade para tomar a melhor decisão”, comenta Jair. 

Essa visão é compartilhada pelo chefe do Gabinete Militar do Governador e Coordenador Estadual da Defesa Civil-MG, coronel da PM, Rodrigo Souza Rodrigues. “Estamos aqui num curso regionalizado, treinando, orientado e informando esses participantes, para atuar dentro do sistema da defesa civil. Pois, a nossa atuação não é somente nas grandes catástrofes, a crise pode virem várias situações, na chuva ou na seca. Nosso papel é estar preparado e, neste caso específico, capacitar a sociedade para atuar em conjunto com a Defesa Civil”, disse o coronel Rodrigues.

Ainda de acordo com o coordenador estadual, a atuação da Defesa Civil é vasta, está presente em todos os espaços. “Estamos aqui para trazer soluções para qualquer evento. Nossa missão é ajudar, diminuir o sofrimento, seja num caso de rompimento de barragem, enchentes ou na seca. A crise pode ser causada por vários fatores, por isso, esse curso visa capacitar as pessoas a falarem a mesma língua. Mas não se trata apenas de tragédia, estamos aqui também para ensinar a montar projetos, que podem trazer recursos para o município. Como, por exemplo, no combate a incêndio ou na compra de alimentosno período de estiagem”, explicou o coronel Rodrigues.

O curso foi prestigiado por várias autoridades, políticas e militares. Estiveram presentes na abertura, o Secretário de Municipal de Governo, Sinvaldo Pereira, que representou a prefeita Marcella Fonseca, o Secretário Municipal da Família e Políticas Sociais, Luiz Antônio Pulchério, a Secretária de Saúde, Maria Cândida Fiuza Costa, o Diretor Geral do SAAE, Esmeraldo Pereira Santos, o Capitão de Corveta da Capitania Fluvial do São Francisco, José Carlos Eusébio, omajor do 55º Batalhão da Polícia Militar de Pirapora, Wilson Fabiano, o comandante do Corpo de Bombeiros de Pirapora, tenente Carlito Pereira Filho e o representante da Associação dos Municípios da Bacia do Médio São Francisco – AMMESF, Adelson de Almeida.