Mais Lidas
Conheça o “Frente de Trabalho” Programa de Auxilio ao Desemprego 12/12/2017 12:32

Prefeita Marcella envia projeto à Câmara para geração de renda

Autor(a): Vinícius Barreto Foto:

A crise assola o país há alguns anos e estratégias devem ser adotadas para diminuir o sofrimento das famílias. Visando combater todas essas dificuldades, a Prefeitura de Pirapora enviou à Câmara Municipal um projeto de combate ao desemprego para a geração de emprego e renda, com intuito de reduzir as diferenças sociais no município.

O programa “Frente de Trabalho” ajudará a combater o desemprego por meio da coordenação das Secretárias Municipal da Família e Políticas Sociais e Infraestrutura e Urbanismo, com o apoio de sindicatos, organizações não governamentais e demais instituições interessadas.

Para ter acesso ao programa os munícipes deverão passar por uma seleção técnica, onde os profissionais das Secretarias atestarão a situação da vulnerabilidade familiar seguindo alguns critérios:

  • Ser residente e domiciliado em Pirapora/MG;
  • Estar desempregado e sem nenhuma fonte de renda;
  • Ter filhos menores;
  • Maior tempo desempregado;
  • Ser membro de família com o maior número de integrantes com idade igual ou inferior a 16 anos ou superior a 65;
  • Ser membro de família com integrantes portadores de necessidades especiais ou doença crônica.

 

Os beneficiários poderão trabalhar, pelo programa, no mínimo 60 horas e no máximo 220 horas ao mês, cumprindo a jornada prestando serviço nas repartições públicas municipais, seja da administração direta ou indireta bem como em vias públicas.

O programa fornece alento a tantos cidadãos piraporenses que precisam prover para suas famílias, pois o beneficiário receberá auxilio financeiro no valor de R$ 4,26 (quatro reais e vinte e seis centavos) por hora trabalhada, pagos mensalmente.

A gestora municipal ressalta o poder desta iniciativa na vida de muitos piraporenses: “É necessário criar emprego e renda para a nossa população e esse projeto vem amenizar o sofrimento de muitas famílias que, às vezes, não tem um alimento em casa. É bom para o cidadão e para todo o município”, finaliza a prefeita Marcella Fonseca.

O projeto foi enviado à Câmara municipal para discussão na sessão desta terça-feira, 12, onde o Executivo pede urgência na tramitação. Com isso, a aprovação depende apenas do legislativo para que o projeto entre em vigor já no próximo ano. A discussão acontecerá no item 7 – Projeto de Lei nº 046/2017 dispondo a criação do Programa de Auxílio ao Desemprego, denominado "Frente de Trabalho".