Mais Lidas
Centro de Promoção a Saúde de Pirapora promove capacitação da Testagem Rápida nas UBS 01/12/2017 08:24

Centro de Promoção a Saúde de Pirapora promove capacitação da Testagem Rápida nas UBS

Autor(a): kelly Cristina Foto: Ascom

Aconteceu no Centro de Educação Permanente em Saúde o início da capacitação do processo de implantação da testagem rápida nas unidades básicas de saúde. O evento que foi realizado pelo Centro de Promoção a Saúde de Pirapora em parceria com a Atenção Primária, objetiva garantir a descentralização do testes, e ampliar o acesso da população ao diagnóstico do HIV, Hepatite B e C e Sífilis.

 Ao todo, 16 unidades serão capacitadas, através do Centro de Promoção a Saúde de Pirapora, de acordo com a Nota Técnica Conjunta SVEAST/SRAS/SAPS/SES-MG. Durante o evento, foram debatidas as implicações éticas no diagnóstico, janela imunológica e prevenção combinada. Além dos fluxogramas, procedimentos de biosegurança, o cenário na região e as metas.

Para a referência técnica do programa DST/AIDS e Hepatites Virais da Gerência Regional de Saúde, Fernanda Rabelo Evangelista Gomes, “a implantação desse serviço no município é muito importante, pois os testes rápidos cuja metodologia permite a detecção de anticorpos em menos de 30 minutos é de simples aplicação e o acesso ao diagnóstico precoce é fator determinante para uma melhor resposta ao tratamento da infecção pelo HIV, Hepatites e Sífilis, sendo necessários exames laboratoriais complementares para confirmação do diagnóstico”, informou.

 “Iniciar o tratamento na hora certa, pode trazer mais qualidade de vida”, destacou o farmacêutico e bioquímico do SAE/CTA, Flávio Natalício.

O médico clínico, Dr. Lincoln Fernandez aproveitou a presença da GRS para dizer que a prevenção é importante, mas garantir o tratamento desses pacientes crônicos é fundamental. “O estado precisa colocar os remédios à disposição nas farmácias populares. O município precisa do apoio do estado nesse sentido, principalmente para o paciente que está lutando pela vida, como é o caso de portador de Hepatite C que necessita de R$ 150 mil por mês para tratamento. A demanda médica é aquela que o paciente necessita”, enfatizou.

O coordenador do Centro de Promoção a Saúde Cristiano Azevedo, o psicólogo Luis Henrique garantiu que, “em Pirapora, essa implementação da testagem rápida será gradativamente ajustada junto a Atenção Primária para iniciar em 2018, tendo como subsídio as necessidades, adaptação e qualificação de cada unidade, além da disponibilidade do fornecimento desses insumos pelo Ministério da Saúde”, garantiu.