Mais Lidas
Cidade realiza plenária e vai participar de Conferência Nacional de Saúde 12/04/2019 12:40

Cidade realiza plenária e vai participar de Conferência Nacional de Saúde

Autor(a): Thiago Matos Foto: Orimar Santos

Convocada por decreto municipal, o Conselho Municipal de Saúde de Pirapora, a Secretaria Municipal de Saúde e a Prefeitura de Pirapora realizaram nesta quinta-feira, 11 de abril, no Centro de Convenções, a Plenária Municipal da Etapa da 16ª Conferência Nacional de Saúde, com o tema "Democracia e Saúde". O evento foi aberto com apresentação teatral do grupo Casa de Cultura Afrogerais.

Segundo o Presidente do Conselho Municipal de Saúde, João Crisostomos, "o principal objetivo da Conferência Municipal de Saúde é dar voz a todos os envolvidos para trabalharmos em prol dos interesses da população usuária".
Em discurso oficial, o vice-prefeito Orlando Pereira de Lima e a secretaria municipal de Saúde, Maria Cândida Fiúza lembraram que as Conferências são espaços amplos e democráticos de discussão das ações, gestão e participação. "Nossa meta principal é reunir governo e sociedade civil organizada para debater e decidir as prioridades nas políticas públicas nos próximos anos. Na medida em que os diversos segmentos envolvidos fazem isso, Pirapora se torna uma cidade melhor com uma Saúde de mais qualidade. Parabenizo a todos por abrirem um espaço importante de troca de experiências", disseram. A Prefeita Marcella Fonseca justificou a ausência, tendo em vista que se encontra em Brasilia-DF, no evento Marcha dos Prefeitos.

Quatro palestras compuseram a programação do ato: democracia na saúde publica; saúde como direito; consolidação dos princípios do SUS; financiamento adequado e suficiente para o SUS.

Durante todo o dia de trabalho, delegados e profissionais de Saúde trabalharam as propostas com o fim de serem discutidas e aprovadas durante as Conferencias Estadual e Nacional, que acontecerão respectivamente durante o ano. "A realização de uma conferência não é algo isolado, mas é parte de um processo amplo de diálogo e democratização da gestão municipal e está ligada a outros instrumentos de participação. Nossa cidade possui conselhos municipais atuantes, o que facilita a discussão de um orçamento participativo, audiências públicas, e outros eventos de cunho social", pontuou o vereador Eder Danilo (PSB), que representou a Câmara Municipal.