Mais Lidas
Atendimentos propagam conhecimento para mulheres e população em geral. 20/12/2018 15:37

Mulheres informadas e em luta

A campanha mundial reforçou o trabalho preventivo em Pirapora

Autor(a): Larissa Rocha/ASCOM Foto: ASCOM / CREMP

Mulheres de todo mundo aderem à Campanha 16 dias de ativismo pelo combate a violência contra a mulher. Esse tema, sempre tão desafiador, é abordado pelo Centro de Referência da Mulher de Pirapora de forma humanizada visando o acolhimento das mulheres nessa situação e a propagação das estratégias de prevenção e combate à violência.

Kênia Barros, referência técnica do CREMP e presidente do Conselho da Mulher, explica que é fundamental a proximidade com a população: “Realizamos ações durante todo o ano. Porém, as campanhas geram maior visibilidade ao tema, que precisa ser propagado constantemente. Dessa forma, muitas mulheres tem acesso a informação, que é o primeiro passo para o fim da violência contra a mulher”.

Ela reforça ainda que o atendimento educativo encoraja mulheres. “Esse trabalho preventivo gera um resultado muito positivo. Como a campanha é intensa, tivemos atividades todos os dias. É fundamental estar em contato direto com o público tratando dos diversos tipos de violência, pois muitas vezes as mulheres nem percebem que estão reféns de um relacionamento abusivo. A partir das nossas atividades, muitas procuram o CREMP para atender suas demandas”, pontuou Kênia.

Com o envolvimento de toda a equipe do CREMP, as atividades foram realizadas nas Unidades Básica de Saúde, Centro de Saúde da Mulher, UNOPAR, NUCA, escolas, feira do Santos Dumont e Mercado Municipal. Todas as atividades tiveram ampla participação das mulheres presentes, com depoimentos e esclarecimento de dúvidas.

No próprio CREMP também foi realizada uma roda de conversa, onde participaram mulheres já atendidas pelo Centro e também convidadas para acolhimento. A psicóloga, Rozany Cotta, e a assistente social, Edna Maria, conduziram o momento de forma bem dinâmica, com vídeos, reflexões por perguntas norteadoras e o exercício da fala. Várias mulheres compartilharam suas histórias e agradeceram o atendimento recebido no CREMP quando precisaram.

Heloisa de Almeida Alves Gribel, secretária municipal de Família e Políticas Sociais, reforça o compromisso da SEFAM na articulação pelo fim da violência contra mulheres: “O CREMP e do Conselho da Mulher cumprem bem suas atribuições e são fundamentais no trabalho preventivo e educativo. Alem disso, estamos sempre em contato com as instâncias envolvidas nas políticas públicas para as mulheres”.

“Cada setor da nossa gestão, bem como os parceiros do município, iniciativa privada e todas as cidadãs e cidadãos são fundamentais nessa jornada. Acabar com a violência contra a mulher é papel de todos”, comentou a prefeita Marcella Machado Ribas Fonseca.

O CREMP agradece ainda aos parceiros que receberam ou contribuíram com as atividades da campanha dos “16 dias de Ativismo”.

 

SERVIÇO:

Centro de Referência da Mulher de Pirapora (CREMP)

Rua Professora Marieta Amorim, 63 - Centro.

Telefone: (38) 3740-6156

E-mail: setas.crempmulher@pirapora.mg.gov.br

Atendimento

Segunda a sexta-feira: 08 às 18 horas

Disque 180 (24 horas)